sexta-feira, junho 21, 2024
Notícias

PGE se despede da Procuradora Marize Anna

A Procuradoria-Geral do Estado do Acre, se reuniu  no auditório do Centro de Estudos Jurídicos(CEJUR),  na última quarta-feira, 1º, para um café-da-manhã em clima de despedida e em tom de homenagem à Procuradora do Estado Marize Anna, em virtude da sua aposentadoria. O evento foi prestigiado por procuradores e servidores da Instituição.

liliane
Liliane Solivon

A cerimonialista Liliane Selivon, iniciou citando um texto da psicóloga e educadora Elena Mara de Oliveira Ramos, chamado “Aposentar” dando em seguida a palavra ao Procurador-Geral do Estado, em exercício, Cristovam Moura, e ao Corregedor-Geral Tito Costa.

“Aposentar é arriscar desfalecer e retornar na criação de si mesmo, agora mais experiente e também mais livre. Aposentar é renovar espaços de ação na própria vida…” Leia o texto completo aqui.

 

cristovam
Cristovam Moura

Dra. Marize deixa grandes contribuições à instituição. “Foi pioneira no planejamento estratégico e figura de referência na consolidação das Corregedorias das PGEs no Brasil. Além disso, a história do Centro de Estudos Jurídicos (CEJUR) se confunde com a sua tamanha importância de sua atuação”, disse o Procurador-Geral, em exercício, Cristovam Moura.

tito
Tito Costa

Em sua fala, o Corregedor-Geral Tito Costa afirmou que o dinamismo da Dra. Marize representa o espírito empreendedor da PGE/AC, destacando todo trabalho realizado durante esses 20 anos de colaboração.

 

 

 

 

Após as homenagens, a homenageada leu uma carta aberta aos procuradores e servidores da Procuradoria. No documento, a procuradora expressou parte de seu enorme carinho, resumiu sua história dentro da Instituição e agradeceu a todos pelo companheirismo, colaboração, confiança e amizade, em especial à equipe do CEJUR.

marize
Dra. Marize Anna

“Estarei à disposição mesmo não sendo mais membro efetivo desse seleto grupo. Continuarei na área jurídica, estou instalando o meu escritório de advocacia, no Centro Empresarial, passem lá mesmo que seja só para tomar um café e relembrar os bons momentos vividos aqui na PGE”, disse a Procuradora Marize Anna.

Emocionada, Marize Anna encerrou com as palavras de Fernando Pessoa: “Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história… Se encontrares pedras no caminho, guarde-as todas, para um dia construir um castelo.”